ERS solicita à OMS guidelines de Qualidade do Ar de 2021

A European Respiratory Society (ERS) e treze organizações parceiras escreveram à Organização Mundial da Saúde (OMS) para que esta avance com a rápida publicação e disseminação da atualização de 2021 das Guidelines de Qualidade do Ar da OMS. 

As atualizações das Guidelines de Qualidade do Ar da OMS sobre poluição externa não são publicadas desde 2005. As últimas apresentavam recomendações sobre poluentes como partículas em suspensão (PM), ozónio (O3), dióxido de nitrogénio (NO2) e dióxido de enxofre (SO2), mas desde então as evidências disponíveis sobre os efeitos nocivos da exposição de curto e longo prazo a esses poluentes avançaram significativamente.

“A exposição à poluição do ar encurta as nossas vidas, prejudica os pulmões e aumenta o risco de desenvolver doenças respiratórias crónicas. A evidência é clara: não há um limite conhecido abaixo do qual a poluição do ar é segura”, sublinhou a Prof.ª Doutora Zorana J. Andersen, presidente do Comité do Ambiente e Saúde da ERS. E continuou: “A ERS e os nossos parceiros publicaram uma série de declarações sobre a ligação entre poluição do ar e doenças dos sistemas respiratório e cardiovascular desde 2005, quando as últimas guidelines da OMS foram lançadas, mas a publicação da sua atualização de 2021 é urgentemente necessária para reiterar a necessidade de reduzir as concentrações de poluição do ar em todos os níveis”

“A redução do nível de poluentes atmosféricos não só levará a enormes melhorias na saúde pública, como ajudará a reduzir as emissões de gases de efeito estufa, como o dióxido de carbono, que contribuem para as alterações climáticas”, sublinhou a especialista.

A ERS e entidades parceiras apelam à OMS para publicar as Guidelines de Qualidade do Ar de 2021 sem demora de forma a lidar com esta emergência de saúde pública, oferecendo apoio à OMS na divulgação dos resultados e recomendações de políticas.

Leia AQUI a carta conjunta na íntegra

A wide angle shot of white smoke coming out of the nuclear plants

Próxima notícia